CLECIANE E FLAVIO - JUNHO 2009


Falávamos por longas horas praticamente todos os dias... Aquele rapaz “Quase perfeito” aos poucos foi me conquistando.

Falávamos por longas horas praticamente todos os dias... Aquele rapaz “Quase perfeito” aos poucos foi me conquistando.

Falávamos por longas horas praticamente todos os dias... Aquele rapaz “Quase perfeito” aos poucos foi me conquistando.
Olá Amigos!

Estava há quase dois anos “curtindo” a vida de solteira... Havia me preparado para casar por duas vezes e sem êxito - nos dois casos por não sentir a mão de Deus abençoando para que o tão sonhado momento se concretizasse. Já estava pensando em me consagrar e me tornar missionária para viver somente para Cristo. Resolvi então pedir mais uma vez ao Senhor que me presenteasse com um esposo. Fiz uma campanha de oração em março de 2008 e um voto que terminaria em junho do mesmo ano, no dia dos namorados. Passou abril, maio e nada, mas continuei firme e perseverante em meu propósito pois ainda não havia expirado o prazo (rss). Um belo dia, em meio ao expediente de trabalho, uma amiga me falou que tinha conhecido alguém no site Amor Em Cristo e que estava muito empolgada com o tal pretendente; resolvi me cadastrar também – pronto e feito, estava lá: ASBS! Mas confesso que fiquei temerosa. Passados oito dias após o cadastro e ainda só observando o que acontecia por ali, pensei – por que não conversar com esta pessoa aqui, só pra ver como funciona isto? No dia 7 de junho, comecei a conversar com um rapaz - QUASEPERFEITO – mas não deixei render muita conversa não... Já era tarde e precisava acordar cedo. No outro dia, acessei minha caixa de mensagens, e vi que o citado acima havia deixado um recadinho pra mim... Sorri... Mas ele não tinha nada a ver comigo, e o primeiro agravante é que morava há 2.000km de distância - definitivamente, não daria certo.

Respondi seu recado um tanto quanto fria e me despedi. Mas ele continuou insistindo e no dia 12 de junho teve a audácia de me pedir em namoro... Mais uma vez eu sorri, mas não acreditava em nenhum momento que poderia ter futuro, seria perda de tempo levar tudo isso a sério, mas o pior, ou melhor, é que mesmo não querendo eu estava gostando da situação, e sentia como se realmente fossemos namorados e estávamos apaixonados... Tudo parecia loucura! Aos poucos foi conquistando minha confiança e lhe passei meu e-mail, depois meu telefone, e quando ouvi sua voz... Hum... Foi naquele dia que eu tive certeza que estava apaixonada, rs.

Falávamos por longas horas praticamente todos os dias... Aquele rapaz “Quase perfeito” aos poucos foi me conquistando. Marcamos para nos conhecermos pessoalmente no dia 7 de setembro, data perfeita, feriado, final de semana... Poderíamos ficar o dia inteiro juntos, mas a surpresa veio mesmo antes que eu pudesse imaginar... No dia 10 de julho, avistei da recepção onde eu trabalhava um rapaz com as mesmas características do “Quase Perfeito”... Será que é ele? Pensei que estava ficando louca... Estava tendo alucinações...

No dia seguinte, ele foi me buscar no trabalho. Assim, de repente. Havia realmente chegado no dia anterior, passou por lá para me ver mesmo que de longe, e foi providenciar lugar para se instalar. Estávamos ali, de frente ao outro, não existia mais site, nem telefone, era só eu e ele... Eu tremia, não acreditava, mas era verdade. Ele ficou por 10 dias e voltou para São Paulo.

Em agosto, no dia 8, fui a São Paulo conhecer a família dele. Passados oito dias e retornei para a Bahia. Em novembro, fui pedida em casamento! Respondi em dezembro, e no dia 1 de janeiro ficamos noivos! Selamos nossa união, com a bênção e confirmação do nosso Senhor Jesus Cristo no dia 1 de março de 2009, em Feira de Santana, Bahia; e por amor, deixei família, trabalho, faculdade, amigos, projetos, tudo que um dia conquistei para seguir meu esposo “Quase Perfeito”.

Hoje, passados dois meses, reafirmamos a convicção de que Deus realmente nos uniu, abençoou nosso casamento e continuará na direção de nossas vidas, e seguiremos confiantes na promessa de que "... tudo quanto Deus faz durará eternamente." (Ec. 3.14)

Agradecemos primeiramente ao Senhor Jesus autor de nossas vidas, pois em sua infinita misericórdia e sabedoria nos presenteou um ao outro. E agradecemos também à equipe do Amor Em Cristo - que Deus continue abençoando esse projeto e a vida de vocês para que possam abençoar outras tantas vidas!!

Cleciane e Flavio